Dia Mundial do Livro

 

Hoje é dia Mundial do Livro e pus-me a pensar qual seria o primeiro livro que li... hmmm difícil . Lembro-me de, quando era pequena, ir às compras com a minha mãe e ela para me compensar oferecer-me daqueles livrinhos pequenos com a história da Princesa e da Ervilha e outras tantas. Mas como não me lembro qual foi o primeiro livro que li, lembro-me do primeiro livro que me marcou. Pela história e pela idade que tinha na altura, talvez uns 13/14 anos. Chama-se a A Lua De Joana de Maria Teresa Maia Gonzalez .

Este livro pode ser considerado uma espécie de diário (apesar de não o ser), porque a personagem principal escreve cartas para uma amiga que já morreu, contando-lhe tudo o que se passa na vida dela. Trata-se de uma história de uma rapariga chamada Joana, que perdeu a sua melhor amiga, quando esta se envolveu com as drogas. Joana interrogava-se ao tentar entender o que teria levado a sua amiga Marta a fazer aquilo. Joana era uma rapariga exemplar, na escola e em casa, mas tudo mudou quando ela se envolveu com uma amiga da Marta, a Rita, (a amiga que teria levado Marta a envolver-se com as drogas), e com o próprio irmão da Marta, o Diogo, também vítima das drogas. Devido à morte da sua avó, a pessoa de quem ela mais gostava no mundo e a falta de atenção e de diálogo por parte dos pais, levou a que ela se começa-se a sentir só e as únicas pessoas que, lhe derem atenção, foram a Rita e o Diogo. Ela começou a vender as suas coisas, para conseguir dinheiro, para ajudar Diogo acabando também ela por se envolver com as drogas. Um dia ela olhou-se ao espelho e reparou como tinha mudado, entendendo agora, como, tão facilmente Marta se tinha envolvido com a droga. Joana tentou abandonar as drogas mas, já foi tarde de mais…

publicado por Cacau às 09:35
link do post | conversar | favorito